terça-feira, 23 de agosto de 2016

Analista prevê decadência de Cássio na política da Paraíba; tucano deixou protagonismo




                                        
foto/reprodução

A trajetória do senador Cássio Cunha Lima (PSDB) nas últimas eleições na Paraíba mostra um cenário de decadência eleitoral, com diminuição de votos e perda de influência eleitoral. A análise é do professor de História pela Universidade Federal da Paraíba, o analista político, Flávio Lúcio. Para ele, o tucano deixou de ser uma força principal para virar uma força auxiliar, perdendo o protagonismo, principalmente na política da Paraíba. 

“Quanto à constatação que Cássio é um político decadente, eu acho que os próprios resultados eleitorais já mostram isso. Se nós observarmos o desempenho dos Cunha Lima em Campina Grande, incluindo o grupo todo, nós vamos observar que há uma perda crescente de votos e de influência na cidade. Isso ficou claramente demonstrado na última eleição”, analisou.

Para o professor, esse novo cenário do qual Cássio faz parte começou a virar realidade em 2014, quando o tucano enfrentou o governador Ricardo Coutinho (PSB) em um clima de ‘já ganhou’ e acabou sendo surpreendido com a derrota no 2º turno do pleito.

“Cássio venceu em Campina Grande, mas com uma diferença das votações passadas, foi menor. Cássio em 2014, a idéia era que ele esperava o fechamento das urnas para a consagração política. Diziam que era a liderança inquestionável e que bastaria chegar 2014 para vencer. Não foi o que ocorreu. Enfrentou um Ricardo Coutinho isolado, sem partidos com muito peso político. Já Cássio aglutinou vários segmentos, agiu como se já tivesse vencido a eleição. Descartou Cícero Lucena para acomodar Ruy na chapa majoritária e de tabela ajudar a eleger o filho, Pedro Cunha Lima. Ele nao conseguiu superar os 50% das intenções de votos, enquanto Ricardo arrancou”, refletiu.

Apesar do prognóstico não tão promissor, o analista ressalta que, mesmo diante do novo cenário, Cássio não pode ser subestimado, apesar de não ser mais tão forte quanto antes.

“Cássio tem muita força política, não é bom subestimá-lo, ele é um político enraizado, mas não é mais o que foi antes. É um político que tende a assumir cada vez mais um papel marginal na política como força auxiliar. Ele foi força auxiliar de Ricardo em 2010 e deverá ser força auxiliar de Ricardo Coutinho em 2018. Ele não é mais um candidato capaz como antes. Isso aconteceu com José Maranhão, que perdeu eleições, inclusive na disputa pela prefeitura de João Pessoa”, arrematou.

A entrevista do professor Flávio Lúcio foi veiculada nesta terça-feira (23), no programa Rádio Verdade, da Arapuan FM.


Fonte: PB Agora

Mulheres são assassinadas e autores continuam soltos

Vítimas foram mortas durante o final de semana em Natal, Parnamirim e interior




                                                    
foto: cedida

A polícia ainda não sabe o paradeiro das pessoas envolvidas nos assasinatos de cinco mulheres registrados nete final de semana em Natal, Parnamirim e interior do Estado. A maioria das vítimas foi morta com golpes de faca efetuados por ex-companheiros.
A autônoma Roberta Nogueira da Silva, de 35 anos foi encontrada morta, na rua Santa Eulália, na madrugada do Sábado com marcas de facadas por todo o corpo. Os moradores do local não souberam informar como ocorreu o fato.
Já em São José de Mipibu a dona de casa Elidiane Felipe de Souza, de 25 anos foi assassinada na frente dos quatro filhos ainda crianças. Segundo o pai da vítima, Everaldo Felipe, o principal suspeito é o companheiro da filha que fugiu após o fato.
Outras três mulheres foram mortas de forma violenta no município de Governador Dix Sept Rosado, Parnamirim e São João do Sabugi. Em todos os casos os autores continuam soltos, porém investigados pela Polícia Civil.

Fonte: portal bo

Sera da Raíz: Rapaz compra aparelho celular pela internet e recebe garrafa com água



                                         

Um rapaz de Serra da Raíz a qual a identidade será preservada, comprou um aparelho celular e teve uma triste surpresa ao receber a caixa que deveria está o produto.

Segundo relato do mesmo, ele teria adquirido via site da Lojas Americanas um aparelho celular, ele esteve na agencia dos correios local buscou a caixa que deveria está o produto e ao chegar em casa e abrir constatou que não havia o aparelho celular e sim um garrafa cheia com água. Ele agora deverá entrar em contato com a loja e os correios para saber o que teria havido, se erro da loja ou extravio da mercadoria durante o percurso.


Fonte: http://serradaraizemfoco.blogspot.com.br/

Aije fiscal: TRE absolve governador após concluir que não houve uso da máquina na eleição de 2014




                                        

O governador Ricardo Coutinho (PSB) foi absolvido em mais uma ação no Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba que questionava as eleições estaduais de 2014. O processo havia sido movido pela Coligação do senador Cássio Cunha Lima (PSDB).

A decisão saiu na tarde de ontem, segunda-feira (22). Conforme a Corte entendeuNa ação que envolvia a concessão de incentivos fiscais, na chamada Aije fiscal, ficou comprovado que não houve uso da máquina por parte do socialista.

O voto que faltava era apenas o do juiz federal Emiliano Zapata, que acompanhou o relator pela não configuração do uso da máquina. Zapata havia pedido vistas do processo.

Com o último voto computado, Ricardo Coutinho foi absolvido por unanimidade pela Corte Eleitoral.

Essa é a segunda ação movida pela coligação tucana contra Ricardo Coutinho que é julgada improcedente pelo Tribunal Regional Eleitoral.

Na semana passada o governador também foi absolvido na ação que apurava a concessão de benefícios em favor de policiais. Ainda restam outras oito ações tramitando no TRE que também questionam a eleição de 2014.


Fonte: PB Agora

Câmaras municipais divulgam editais de concursos no Sertão da Paraíba


Editais são para vagas em Itaporanga e Pedra Branca.No total, são oferecidas nove vagas para níveis fundamental e médio.





                                                   
imagem ilustrada

Cãmaras municipais de Itaporanga e Pedra Branca (PB)
Inscrições:
de 29 de agosto a 25 de setembro
Vagas:
6 (Itaporanga)
3, sendo 1 para pessoa com deficiência (Pedra Branca)
Salários:
R$ 880 a R$ 1.200
Taxas de inscrição:
R$ 35 (Itaporanga)
R$ 50 (Nível fundamental - Pedra Branca)
R$ 70 (Nível médio - Pedra Branca)
<b>Provas:</b>
30 de outubro
Duas câmaras municipais de cidades do Sertão da Paraíba divulgaram editais de concursos públicos na segunda-feira (22). Somadas, as câmaras de Itaporanga e Pedra Branca oferecem nove vagas para cargos de níveis fundamental e médio, sendo um para pessoa com deficiência. Os salários nos dois concursos variam entre R$ 880 e R$ 1.200. Nos dois casos, as inscrições começam às 8h do dia 29 de agosto, exclusivamente pela internet, no site da organizadora, e seguem até o dia 25 de setembro.
Segundo o edital para a Câmara Municipal de Itaporanga, estão sendo oferecidas seis vagas, sendo uma vaga para cada cargo. O maior salário é oferecido para o cargo de auxiliar administrativo, e as seis vagas são para jornadas de 40 horas semanais. Além do cargo com maior salário, também são oferecidas oportunidades para arquivista, auxiliar de serviços gerais, motorista na categoria B, sonoplasta e vigia. A taxa de inscrição neste concurso é de R$ 35 e as provas estão previstas para acontecer no dia 30 de outubro.
Para a Câmara Municipal de Pedra Branca, de acordo com o edital, estão sendo oferecidas três vagas, sendo uma para pessoa com deficiência. As vagas são para os cargos de assistente administrativo e para auxiliar de serviços gerais. Ambos os cargos têm carga horária de 40 horas semanais. As taxas de inscrição para este concurso são de R$ 50 para nível fundamental e R$ 70 para nível médio. As provas também estão previstas para acontecer no dia 30 de outubro.
Os dois concursos têm validade de dois anos e podem ser prorrogados por igual período. Nos dois casos, também, as pessoas com extrema pobreza comprovada podem pedir a isenção da taxa de inscrição.
fonte: G1 PB
 


Suspeitos de ataques a bancos são presos com mapa de agências em Santa Rita



                                      
Créditos: Divulgação

Dois homens e uma mulher foram presos, nessa segunda-feira (22), suspeitos de integrarem uma quadrilha responsável por ações contra bancos na Paraíba. Conforme informações do 7º Batalhão da Polícia Militar, os acusados foram presos em uma casa, no bairro de Tibiri, em Santa Rita, com um revólver calibre 38, munições e um mapa com marcações dos locais onde tem agências bancárias de João Pessoa.
O coronel Júlio César, que comanda o 7º Batalhão, destacou que a prisão foi realizada de forma integrada pelos policiais que fazem parte da 5ª Área Integrada de Segurança Pública (Aisp), e disse que um dos presos é acusado também de vários homicídios na capital. “Um deles tinha um mandado de prisão e é suspeito de vários homicídios ocorridos no bairro Padre Zé, na capital, inclusive é apontado como autor dos disparos que feriram um policial da Rotam durante incursão, também no Padre Zé”, contou.
Foram presos na operação Ivan Melo Torres, de 26 anos; Tiago Rodrigo Lima dos Santos, 23; e Alvanir Ferreira da Silva, 40. Os três foram apresentados na 14ª Delegacia Distrital, em Santa Rita. Os dois homens foram autuados por porte ilegal de arma e formação de quadrilha. A mulher vai responder pelo crime de favorecimento pessoal, que é quando ajuda a autores de crimes a fugirem de ação das autoridades policiais.
Fonte: WSCOM Online com Assessoria

Juiz eleitoral determina busca e apreensão de material de campanha de Douglas Lucena



                                        

O juiz Jailson Shizue Aragão Suassuna da propaganda eleitoral determinou em decisão liminar uma busca e apreensão de um material publicitário supostamente irregular do candidato a prefeito de Bananeiras Douglas Lucena (PSB). Para o magistrado, o socialista permitiu a circulação de material irregular e determinou a suspensão da distribuição sob pena de multa de R$500 (quinhentos reais por dia).
Na sua sentença sob o processo de número 13670, o magistrado afirma: “Determino a retirada do material veiculado pelos representados, para tanto, expeça-se mandato de busca e apreensão, que deverá ser renovado a cada 5 (cinco) dias até a eleição”, diz o magistrado na sua sentença.
O juiz Jailson Shizue ainda notificou os representados (Douglas Lucena Moura de Medeiros, candidato a prefeito e seu vice Augusto Carlos Aragão) para apresentar sua defesa em 48 horas, após, dê-se vistas ao Ministério Público para manifestar-se em 24 horas, vindo-e os autos conclusos para sentença cumpra-se.
A decisão, emitida no sábado (20), atende um pedido da coordenação jurídica da coligação “Por Bananeiras, Tudo”, do candidato Matheus Bezerra (PMDB), pela advogada Maria Luiza Porto. Segundo eles, é preciso fornecer ao eleitor as informações completa e de forma legais.
Ao atender a requisição, o juiz determinou a imediata expedição de mandado de busca e apreensão do material publicitário a que alude a presente Representação, devendo as buscas ser realizadas na sede dos Comitês da Coligação Representada.
Fonte: MaisPB
                                        

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

Redes sociais, como previsto, são os primeiros palanques



                                        



As redes sociais, em especial o facebook, desde os primeiros minutos do último dia 16, quando a campanha foi liberada pela Justiça Eleitoral, têm sido os principais campos de apresentações de ideias e de manifestação de apoio nessas eleições.
Cada um que utilize de suas ferramentas para declarar voto, expor qualidades e fazer raiva aos adversários. É gente desfazendo “a amizade”, outros se aproximando de quem nunca foi chegado e só nos resta esperar para saber até onde são verdadeiras aproximações e os afastamentos.

Fonte: http://www.manchetepb.com/blog/tonysouza/

Ônibus com universitários batem na PB e deixam um morto e mais de 10 feridos

Informações preliminares levantadas pela Polícia Militar apontam que um dos ônibus tentou frear e desviar de um motociclista que estaria caído na pista, possivelmente embriagado


                                                                            
Um dos ônibus envolvidos sofreu impacto na traseira
Imagem compartilhada por WhatsApp

foto: reprodução/folha do sertão


Uma batida entre dois ônibus deixou um morto e, segundo a Polícia Militar, mais de 10 feridos na tarde desta segunda-feira (22), na rodovia BR-361, na Zona Rural do município de Piancó, no Sertão da Paraíba, a 395 km de João Pessoa. Os veículos seguiam de Itaporanga e Boa Ventura para Patos, também cidades do Sertão, conduzindo estudantes universitários que assistiriam aula em uma faculdade.

De acordo com as PMs de Piancó e Itaporanga, que registraram a ocorrência, informações preliminares levantadas apontam que um dos ônibus tentou frear e desviar de um motociclista que estaria caído na pista, possivelmente embriagado. Nesse momento, o coletivo de Itaporanga bateu na traseira do de Boa Ventura. Um terceiro ônibus que trafegava na via, conforme testemunhas, teria conseguido desviar.

A PM revelou que se dirigiu ao local, mas não encontrou o suposto motociclista que teria caído na pista. Os policiais informaram que seguiriam apurando a identificação dele.

Os feridos sofreram escoriações e fraturas. Conforme disse a PM, eles foram socorridos para o Hospital Regional de Piancó. A instituição de saúde não revelou quantas vítimas deram entrada na unidade ou como estaria o quadro clínico delas.

A polícia afirmou que o único morto confirmado até as 20h desta segunda era irmão de um cabo da Polícia Militar. Após uma perícia, o corpo dele deveria ser direcionado para o Núcleo de Medicina e Odontologia Legal de Patos.

fonte: portal correio

Dupla é presa carregando corpo de adolescente em carroça na Paraíba




                                     
Corpo foi encontrado dentro de carroça, em Mandacaru, João Pessoa (Foto: Walter Paparazzo)

Um homem e uma mulher forma detidos na tarde desta segunda-feira (22) por estarem carregando em uma carroça o corpo de um adolescente de 16 anos assassinado no domingo (21), no bairro de Mandacaru, em João Pessoa. De acordo com a Polícia Militar, o corpo da vítima teria sido escondido dentro de um manguezal e foi transportado pelo casal em um carroça.
Na tarde de domingo, a Unidade de Polícia Solidária (UPS) de Mandacaru, junto com a delegacia de Homicídios, iniciou as buscas do corpo e dos suspeitos e conseguiu prender dois homens. A equipe continuou as investigações na manhã desta segunda-feira.
A polícia recebeu informações de que um homem e uma mulher tentaram tirar o corpo do local onde o assassinato aconteceu para tentar esconder a autoria do crime. A polícia conseguiu localizar o casal numa carroça de tração animal, carregando o corpo do adolescente.
O suspeito foi preso e a mulher foi encaminhada para a UPS, onde vai ser ouvida pela polícia. Até às 16h30 a Polícia Militar ainda não sabia informar se os suspeitos têm algum parentesco com a vítima.
Do G1 Paraíba
Via: manchete pb